Bem vindo ao site do STRUP

AOS TRABALHADORES DO SETOR PRIVADO RODOVIÁRIO DE PASSQAGEIROS

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

AOS TRABALHADORES DAS EMPRESAS DO SETOR PRIVADO DE PASSAGEIROS

INCLUINDO AS RODOVIÁRIAS DA EX-RODOVIÁRIA NACIONAL

Ontem, na sequência da resolução aprovada no passado dia 12 de Julho, realizou-se, na sede da ANTROP, uma reunião entre a associação patronal
e as organizações sindicais que estiveram na luta naquele dia e teve como objectivo a discussão das reivindicações dos trabalhadores aprovadas nas
concentrações de Lisboa e Porto.
Pela nossa parte foi colocado a exigência da suspensão das medidas de aplicação do tempo de disponibilidade, como forma de se ter uma
negociação séria, sobre as condições de vida e trabalho no sector.

LER COMUNICADO COMPLETO

scroll back to top
Actualizado em Quarta, 09 Julho 2014 16:09
 

AOS TRABALHADORES DO SETOR EMPRESARIAL DO ESTADO

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

AOS TRABALHADORES DO SEE

O GOVERNO NÃO VAI REPOR NADA – VAI PROCEDER A NOVOS ROUBOS
Pela proposta de lei 329/XII, que irá ser votada no dia 8 de Julho na Assembleia da República, o governo quer proceder a novos roubos de salários (já este ano), congelá-los até 2019 e retirar a sua negociação da contratação colectiva.
Com esta proposta de lei, com carácter de imperatividade sobre a contratação colectiva, o governo retoma os roubos acima dos 1500€ de rendimentos (tudo incluído). Para ao ano, em que há eleições, reduz 20% desse roubo, mas depois até 2019, novas reduções dos roubos, ficam ependente das disponibilidades financeiras.
MAS MESMO QUE HOUVESSE UMA REDUÇÃO DOS ROUBOS DE 20% AO ANO, EM 2019 OS TRABALHADORES TERIAM UM SALÁRIO INFERIOR A 2010 – UMA DÉCADA DE RETROCESSO, para que País esteja cada vez mais endividado e as empresas com encargos financeiros cada vez maiores.

LER COMUNICADO COMPLETO

scroll back to top
Actualizado em Quarta, 09 Julho 2014 16:02
 

AOS TRABALHADORES DA EX-RODOVIÁRIA DA ESTREMADURA

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

No passado dia 18 de Junho, realizou-se na Musgueira um plenário de trabalhadores onde foram abordados um conjunto de preocupações legítimas, entre elas a falta de informação sobre o processo de negociações de revisão do Acordo Colectivo de Trabalho e será a que maior reflexo futuro terão os trabalhadores na relação com a empresa.
Foi apresentado o ponto de situação da negociação, das matérias acordadas com o STRUP bem como matérias as mais sensíveis onde esbarrou o processo de negociação.

LER COMUNICADO COMPLETO

scroll back to top
Actualizado em Quarta, 09 Julho 2014 15:49
 

AOS TRABALHADORES DAS EMPRESAS PRIVADAS DE TRANSPORTE E COMUNICAÇÕES

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

O governo prossegue a sua política de empobrecimento de quem trabalha, com a redução dos salários e direitos que aos trabalhadores pertencem.
Com o mesmo objectivo, estão em discussão pública, novas medidas que visam a caducidade da contratação colectiva e novos cortes salariais, com efeitos a Agosto de 2014.
Com estas medidas, o governo pretende roubar aos trabalhadores aquilo que estes conquistaram ao longo de muitos anos, e que constitui, hoje, o seu património de direitos.
Aquilo que os trabalhadores têm, é fruto da luta, e que conseguiram que na lei e na contratação colectiva, fosse consagrado as reivindicações de muitas gerações de trabalhadores.

LER COMUNICADO COMPLETO

scroll back to top
Actualizado em Quarta, 09 Julho 2014 15:57
 

AOS TRALHADORES DA TST

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

AOS TRABALHADORES DA TST


PROCESSOS DISCIPLINARES

Foi-nos comunicado por representantes da empresa que o processo disciplinar relativo á tomada de posição dos trabalhadores acerca do tempo de disponibilidade, do nosso associado Domingos Leal, foi arquivado.
Esperamos que na administração da TST, o bom senso impere e que o mesmo resultado seja aplicado aos restantes trabalhadores que foram objeto do mesmo processo disciplinar.

DIA 8 E JULHO REUNIÃO COM A ANTROP

Na sequência da resolução aprovada pelos trabalhadores dos transportes, nas concentrações realizadas em Lisboa e no Porto no passado dia 12, foram solicitadas reuniões à Secretaria de Estado dos Transportes, ao Inspetor Geral da ACT e à ANTROP.
Esta ultima marcou a reunião solicitada para a data indicada.
Naturalmente que esperamos por parte da ANTROP recetividade às preocupações apresentadas pelos trabalhadores resultantes dos prejuízos causados pela aplicação unilateral e ilegal do tempo de disponibilidade.

ENCONTRO INFORMAL COM DRA. GRAÇA CALAPEZ

No passado dia 9 de Junho, o STRUP, reuniu informalmente com a Dra. Graça Calapez. O STRUP agradece que a Dra. Graça Calapez, sem aviso prévio, nos tenha recebido e ouvido.
Importa referir que neste encontro informal o STRUP reiterou a necessidade da marcação de uma reunião formal e urgente para analise de matérias a necessitar de entendimentos entre as partes nomeadamente, os tempos de disponibilidade, descansos compensatórios, recibos de salários e agora os processos disciplinares que apenas estão a servir como arma de repressão contra os trabalhadores.

scroll back to top
Actualizado em Segunda, 23 Junho 2014 07:23 Continuar...
 


Pág. 1 de 5
Faixa publicitária
Faixa publicitária

Autenticação


NewsLetters

Subscrever

Por e-mail toda a informação do S.T.R.U.P!

Utilizadores on-line

Temos 7 visitantes em linha

DESTAQUES FECTRANS

Contra o ataque do governo, reforçar a unidade na acção
Perante a nova e brutal ofensiva contra os salários e direitos dos trabalhadores, que constam nas propostas do governo/patrões, entregues no âmbito da Concertação Social, entendemos que, mais que nunca, os trabalhadores necessitam de reforçar a sua unidade na acção e com esse objectivo, a FECTRANS enviou, hoje, um convite às diversas organizações de trabalhadores - Sindicatos e Comissões de Trabalhadores, o seguinte convite para uma reunião...

DESTAQUES CGTP-IN

Linhas de força para promover a Natalidade
18 Linhas de força para uma política de promoção da natalidade. A consagração e o reconhecimento da maternidade e da paternidade na Constituição da República Portuguesa traduziram-se no desenvolvimento de um conjunto articulado de políticas – de família, laborais, de segurança social, de saúde e de educação – cujo conteúdo e sentido é profundamente positivo e progressista...
Solidariedade com trabalhadores e povo da Palestina
A CGTP-IN condena a agressão do governo Israelita à população de Gaza, com brutais bombardeamentos que causaram, até à data, quase uma centena de mortos e um número indeterminado de feridos entre a população indefesa, nomeadamente crianças...

..:: Protocolos STRUP ::..